Batman: Passando pelo medo

Comente com Seu Facebook

Vamos pensar um pouco: Quem é Bruce Wayne?

Bruce Wayne se mostra perante a sociedade como um playboy irresponsável e superficial que vive da fortuna herdada dos pais (conquistada quando os pais de Bruce investiram em Gotham antes de a cidade tornar-se uma grande metrópole) e dos lucros obtidos pelas Empresas Wayne, uma grande empresa no ramo da tecnologia de ponta. Contudo, Wayne também é conhecido por suas contribuições para caridade, especialmente através da Fundação Wayne, fundação dedicada a ajudar vítimas de crimes e prevenir que pessoas tornem-se criminosas. Essa personalidade de Bruce Wayne foi inventada por ele para evitar que alguém desconfiasse de seu alter ego, às vezes fingindo-se bobo e egoísta para que ninguém o descubra. Bruce Wayne deixou claro que considera manter sua identidade secreta prioridade máxima, chegando a ficar perto da morte várias vezes para evitar mostrar suas habilidades em público como Batman. (fonte: //pt.wikipedia.org/wiki/Batman#Bruce_Wayne )

 

Bruce Wayne e o medo do morcego

Da onde se origina esse medo do Bruce com relação aos morcegos?

Quando criança, Bruce cai num poço e alguns morcegos vão em sua direção. Ao contrario do que muitos pensam, ele não enfrentou o medo, ele simplesmente passou pelo momento de medo da sua vida.

Não foi uma decisão dele se jogar na caverna e enfrentar o medo que ele tinha. Ele simplesmente caiu e se viu rodeado por morcegos que vinham em sua direção e iam para a saída do poço que ele havia caído. 

Dias mais tarde, Bruce Wayne contempla seus pais sendo mortos na saída de um teatro por um assaltante que atira a queima roupa, mantando o casal Wayne deixando o jovem Bruce para traz. O que levou Bruce a associar a arma de fogo que tirou a vida de seus pais aos morcegos que ele havia enfrentado dias antes.

Na vida adulta Bruce é uma pessoa fragilizada sem pudor. Mas, ao vestir a roupa do Batman ele se torna o justiceiro e enfrenta os perigos noturnos

Mas vamos focar nesse momento sobre o medo de Bruce Wayne.

Bruce não enfrentou o medo. Não foi uma escolha dele enfrentar o medo. 

Ele não estava andando no quintal da casa e viu um buraco e resolveu se jogar porque ele sabia que la estaria algo que tem muito medo e isso iria torna-lo um cara muito legal. Não, nada disso.

Bruce Wayne não escolheu virar o Batman. Ele caiu na caverna e não teve como enfrentar seus medos. Porque ele não teve escolha a não ser passar por aquilo sozinho. 

E somente depois de passar pela onda do medo é que ele se levanta uma nova pessoa e Bruce Wayne começa a construir um personagem que irá aterrorizar os bandidos de Gotham 

Com base nisso. Sera que realmente enfrentamos nossos medos? Sera que realmente conhecemos os nossos medos? 

O Menino Bruce Wayne antes de ter consciência e se tornar o Batman fugia de uma trauma, a perda dos pais, que foram assassinados em um assalto e do susto que levou quando caiu no poço cheio de morcegos. 

Em ambos os casos, não foi escolha dele passar por esses traumas, e ter essas perdas. 

Diferente de quando você tem consciência do seu medo. E consegue pensar em uma forma de enfrenta-lo.

Gostaria de trazer você a uma situação hipotética de medo. De algo ou de algum momento novo na sua vida e que não você não tenha controle sobre ele.

O que se pode fazer com relação ao novo? 

Qual é a melhor opção para não travar por causa do medo?

Acredite. Sentir medo trava. Ficamos presos num loop de decisão que nunca tomamos. Ficamos amarrados em cálculos que nunca conseguimos finalizar. E com isso só sabemos procrastinar. Sempre colocando a frente a possível solução de um problema que deve ser resolvido hoje. Que deve ser revolvido agora.

Não estou dizendo que não se deve planejar as coisas. Mas pense bem… Sera que você não esta adiando demais a resolução de um problema?

Nenhum problema ou situação exige mais de uma semana para ser resolvido. O que pode acontecer é que em alguns casos, precisa ser tomado algumas medidas paliativas diariamente com o objetivo de buscar uma melhor posição para solucionar o problema.

Mas isso é quando nos já sabemos que temos medo de algo. 

Se uma situação dura alguns dias, acredite, é melhor enfrentar logo. Somente assim, você conseguirá aliviar o peso em sua mente. 

Enfrentar o medo é relativamente simples. O caminho para superar o medo é se render a ele. Apenas quando nos tornamos um com o medo, a dualidade entre o bem e o mal deixa de existir. E conseguimos limpar nossa mente e tomar enfim uma decisão que nos leve a solução do problema.


Há momentos que a única coisa que você preciso é dar o primeiro passo.
Chegou sua hora ! Passe pelos seus medos também … 🦇 Depois me conte como foi…

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: