Só nos cinco primeiros meses do ano os jovens adventistas doaram mais de 1.300 bolsas de sangue aos Hemocentros, por meio do Projeto Vida por Vidas existente há 17 anos na América do Sul.

Jovem Adventista realizando doação em Manaus

Durante o ano inteiro os jovens no Amazonas e Roraima cumprem um calendário de doações, para que o estoque dos Hemocentros esteja sempre com bolsas disponíveis.

“A doação de sangue faz parte da vida do jovem Adventista, eles entendem a importância do gesto e sabem que é uma forma de levar o amor de Jesus ao próximo,” detalha o líder de jovens para o Amazonas, pastor Jeferson Carvalho.

Sala de coleta apenas com os Jovens Adventistas em Manaus

Com a parceria cada vez mais consolidada os Hemocentros já contam com as doações dos jovens. “Nos momentos mais difíceis de doações como a pandemia, nós sabíamos que podíamos com os jovens do Vida por Vidas, eles saem da coleta e já agendam a volta isso nos dá uma confiança no compromisso deles com a causa”, conta a gerente de capacitação de doadores do Hemoam Nívia França.

Prêmio destaque

Em Boa Vista a parceria entre o Projeto Vida por Vidas e o Hemororaima certificou os jovens adventistas com o Título de categoria diamante de doação, dedicado aqueles que são doadores regulares.

“Incentivar os jovens a participarem do Vida por Vidas é uma satisfação, pois falamos de um gesto de amor, que é o que nos move como cristãos. Ao doarmos sangue, podemos salvar até 4 pessoas, estamos repetindo as ações de Jesus e isso nos alegra muito”, ressalta o líder de jovens para Roraima pastor Ruziel Souza.

Jovem de Roraima realizando sua doação regular

O projeto

O projeto Vida por Vidas teve início em 2005, quando centenas de jovens voluntários se mobilizaram no Brasil e em países da América do Sul. Com o objetivo de contribuir com os hemocentros através do incentivo à doação de sangue, desde então o projeto busca conscientizar os cidadãos para o hábito de doar, suprindo assim a demanda dos estoques de sangue nos hospitais e hemocentros.

No Amazonas 36 mil bolsas de sangue foram doadas pelo Projeto. Em Roraima mais de 10 mil bolsas chegaram aos hospitais e clínicas do estado, graças a mobilização da juventude.

As coletas ocorrem também nos municípios onde existe coleta, como em Parintins e Itacoatiara e mais cinco cidades.

The following two tabs change content below.
Sou Aprendiz de Liberdade e busco ser melhor pai, melhor marido, melhor amigo, melhor profissional e te desafio a buscar a melhor versão de si mesmo todos os dias. Amante da musica e sempre em busca de conhecimento que agregue valor. Practitioner em PNL, Empreendedor Digital, Palestrante e Psicoterapeuta.

Comente com Seu Facebook