Voluntários participaram de aula sobre Aproveitamento Alimentar Integral, fornecido pela CEDAE Rio. (Imagem: Arquivo Pessoal)

Já pensou incluir em seu prato elementos que normalmente são descartados na hora do preparo? Essa técnica, conhecida como aproveitamento integral alimentar, além de contribuir com a redução do desperdício, tem benefícios para a saúde. Pensando na conscientização da comunidade local, a Igreja Adventista do Sétimo Dia do Parque São Francisco, junto com o Clube de Desbravadores Amazônia e em parceria com a CEDAE, realizou na última segunda-feira, 08, o curso de Reaproveitamento de Alimentos com especialistas e profissionais da saúde.

Totalmente gratuito, o curso teve como objetivo ensinar o reaproveitamento integral pelo processamento de diferentes alimentos, aplicando boas práticas de manipulação de alimentos, além de orientar sobre a redução de desperdícios dos alimentos produzidos, produtos ou partes, que eram jogados fora, sendo utilizados em receitas simples, nutritivas, saborosas e de baixo custo.

Leia também:

De acordo com a bióloga e instrutora do curso pela CEDAE, Aline Ferreira, o objetivo é divulgar alternativas para reduzir o desperdício de alimentos e garantir qualidade nutricional. “A importância desse curso para as comunidades parte mais da conscientização ambiental. Nosso trabalho visa conscientizar as pessoas para que elas possam utilizar de tudo aquilo que elas tem em casa, aproveitando integralmente. Durante o curso, trouxe algumas receitas saborosas, ensinei como preparar, como reservar, reaproveitar e claro, aquele delicioso momento da degustação. O curso tem o propósito também de agregar uma alimentação saudavel e uma econômia dentro dos lares”, ressaltou. 

Além dos pratos, os moradores aprenderam sobre o valor nutricional e boas práticas na cozinha. Segundo Claudia Lima, participar do projeto ajudou ela a entender a importância e responsabilidade com os alimentos. “Não imaginava que alimentos que geralmente são descartados, não falo de alimentos que estão estragados, podem ser próprio para o consumo. Esse curso despertou uma responsabilidade de reutilizar esses resíduos, levar saúde para a minha família, além de ajudar na economia do meu lar”, comentou.

Suênia Valéria já é assídua na prática da alimentação saudável, ela relatou a satisfação e que não perde mais tempo ao colocar em prática cada ensino herdado em cursos de saúde. “Já exerço diversas práticas abordadas aqui no curso em casa. Gostei muito e pretendo fazer mais. Adquiri muito conhecimento, principalmente nesse último. Agora vou evitar o desperdício em casa, sabendo que até cascas de frutas viram ótimos ingredientes para saborear e aguçar o paladar da minha família e amigos”.

The following two tabs change content below.
Sou Aprendiz de Liberdade e busco ser melhor pai, melhor marido, melhor amigo, melhor profissional e te desafio a buscar a melhor versão de si mesmo todos os dias. Amante da musica e sempre em busca de conhecimento que agregue valor. Practitioner em PNL, Empreendedor Digital, Palestrante e Psicoterapeuta.

Comente com Seu Facebook